São Francisco de Assis do Piauí - PI

TCE reprova contas de gestão do ex-prefeito Genivaldo Irineu

Os conselheiros entenderam que as irregularidades não foram sanadas pelo prefeito no processo de defesa, por isso as contas de gestão foram reprovadas.

Bárbara Rodrigues
Teresina
19/02/2019 18h13 - atualizado 04/05/2019 16h57

O Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI) reprovou as contas de governo e gestão do ex-prefeito de Genivaldo Santos Irineu, referente ao exercício financeiro de 2016.

Os conselheiros analisaram irregularidades relacionadas a ausência de publicação de decretos informando a abertura de créditos adicionais, descumprimento do limite mínimo de despesas com a manutenção e desenvolvimento do ensino, inadimplência com a Eletrobras, ausência de licitações, entre outras.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Tribunal de Contas do EstadoTribunal de Contas do Estado

Os conselheiros entenderam que as irregularidades não foram sanadas pelo prefeito no processo de defesa, por isso as contas de gestão foram reprovadas e foi emitido parecer prévio pela reprovação das contas de governo. Além disso, foi aplicada multa no valor de 1.500 UFR-PI, que dá o equivalente a R$ 5.130 mil.

Participaram do julgamento os conselheiros Joaquim Kennedy Nogueira Barros, Waltânia Maria Nogueira de Sousa Leal Alvarenga, Lilian de Almeida Veloso Nunes Martins, Delano Carneiro da Cunha Câmara e Alisson Felipe de Araújo, allém do representante do Ministério Público de Contas, o procurador Plínio Valente Ramos Neto. A decisão foi publicada no Diário Oficial do TCE dessa terça-feira (19).