Teresina - PI

Themístocles contraria Ciro e descarta aliança com Firmino em 2020

“Essa é uma questão de matemática. Já disse várias vezes, se o MDB tiver um candidato a prefeito, o PSDB tiver um candidato a prefeito, como é que a gente pode estar junto?”, questionou o deputado.

Andressa Martins
Teresina
Germana Chaves
Teresina
17/06/2019 13h20 - atualizado 13h37

Contrariando a expectativa do senador Ciro Nogueira (PP), o presidente da Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi), Themístocles Filho (MDB), descartou aliança com o prefeito Firmino Filho (PSDB) nas eleições municipais de 2020. Na manhã desta segunda-feira (17) o presidente nacional do Progressistas havia dito que faria uma espécie de ponte para a reaproximação do deputado com o prefeito tucano.

Questionado pelos jornalistas na Alepi, o presidente da Casa disse que o MDB segue com planos de disputar a Prefeitura de Teresina. Sendo assim, não haveria condições de uma aliança em 2020.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Presidente da Alepi, Themístocles FilhoPresidente da Alepi, Themístocles Filho

“Essa é uma questão de matemática. Já disse várias vezes, se o MDB tiver um candidato a prefeito, o PSDB tiver um candidato a prefeito, como é que a gente pode estar junto?”, questionou o deputado em entrevista nesta segunda-feira (17).

Themístocles reiterou a estratégia de candidatura própria, discutida afinco nas reuniões internas da sigla, mas disse que “tudo na vida pode mudar”.

“Como o MDB pode marchar com o PSDB ou com qualquer partido se o MDB continuar com a estratégia de candidatura própria? Se não tiver, é outra questão”, concluiu o deputado.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Ciro quer reaproximar Themístocles e Firmino para eleições de 2020

Themístocles diz que pontapé foi dado para reaproximação com Ciro