Piauí

Trabalhadores da Eletrobras e Chesf vão paralisar atividades

Os trabalhadores irão paralisar em protesto contra o leilão das distribuidoras que visa privatiza as companhias elétricas no Piauí

Cinara Taumaturgo
Teresina
11/07/2018 17h26 - atualizado 17h28

Os trabalhadores da Eletrobras vão paralisar as atividades durante 24 horas na próxima terça-feira (17), em protesto contra o leilão das distribuidoras, que visa privatizar as companhias elétricas no Piauí, Acre, Amazonas, Roraima e Rondônia.

  • Foto: Lucas Dias/GP1EletrobrasEletrobras

A decisão ocorreu por meio de uma assembleia realizada nesta terça-feira (10). Os trabalhadores querem suspender o leilão, que ocorrerá dia 26 de julho. “Caso até o dia 24 esteja mantido o leilão das distribuidoras, os trabalhadores irão parar por 48h, nos dias 25 e 26”, afirmou Paulo Sampaio, presidente dos Sindicatos dos Urbanitários do Piauí.

Além disso, foi acordado ainda em nova assembleia realizada nesta quarta-feira (11), que a Companhia Hidrelétrica de São Francisco (Chesf) vai apoiar o ato e estará em assembleia permanente durante o dia 17. “Os trabalhadores vão estar em assembleia e também vão receber alguns parlamentares que são favoráveis a essa causa que é contra a privatização. Espero que os parlamentares possam se manifestar e dar apoio a essa causa, tanto lá como aqui na Cepisa”, completou Paulo Sampaio.

Mais conteúdo sobre: