Eliseu Martins - PI

Trecho da BR 135 onde ocorreu acidente continua interditado

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, não há previsão para liberação devido aos riscos de incêndio por conta do derramamento de óleo diesel na pista.

THAIS GUIMARÃES
23/07/2017 16h54 - atualizado 16h55

Acidente com caminhão-tanque na BR 135

O trecho da BR 135, onde um grave acidente com um caminhão de combustíveisdeixou uma pessoa morta e outro ferido na noite desse sábado (22), continua interditado nos dois sentidos, sem previsão para liberação, devido aos riscos de incêndio por conta do derramamento de combustível na pista. O fato aconteceu no km 216, na região de Eliseu Martins.

Segundo informações do núcleo de comunicação da Polícia Rodoviária Federal (PRF) no Piauí, a parte do asfalto que teve contato com o produto inflamável foi danificada e está cedendo, podendo provocar outros acidentes. Por conta disso, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) deverá ser acionado.

De acordo com o inspetor Jonas Mata, estima-se que o tanque do caminhão transportava 15.000 litros de gasolina e 15.000 litros de óleo diesel, no entanto, a quantidade só poderá ser confirmada quando os policiais tiverem acesso à nota fiscal dos produtos.

O representante da Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semar), José Renato Nogueira, informou que a via não será liberada enquanto a situação não for reparada por completo. Equipes da PRF permanecem no local, onde controlam o tráfego e orientam os motoristas a desviarem por uma estrada vicinal em Eliseu Martins até Colônia do Gurguéia, enquanto uma equipe da Polícia Militar do Piauí faz o controle e as devidas orientações no sentido oposto.

Uma empresa de Fortaleza (CE) está se deslocando ao local para trabalhar no destombamento do veículo, que saiu da pista e capotou. A equipe deve iniciar o trabalho de retirada do caminhão somente nesta segunda-feira (24).

O acidente

Um caminhão que transportava combustíveis capotou no km 216 da BR 135, após sair da pista na noite desse sábado (22). O motorista, identificado pelas iniciais I.F.S., de 48 anos, morreu e ficou preso às ferragens. S ó foi possível retirá-lo neste domingo (23). O outro ocupante do veículo, M.A.B., ficou gravemente ferido.

BR 135

Somente este ano, 32 pessoas morreram na referida BR, considerada a “rodovia da morte”. Segundo a PRF, a pista estreita, a falta de acostamento e o desnível da pista são os principais motivadores dos acidentes.