Política

Veja como votaram deputados do Piauí em projeto sobre posse de arma

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou na noite de ontem (21), o projeto que considera, para fins de posse de arma de fogo, toda a extensão do imóvel rural como residência ou domicílio.

Gil Sobreira
Teresina
22/08/2019 07h51 - atualizado 07h58

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou na noite de ontem (21), por 320 votos a 61, o projeto que considera, para fins de posse de arma de fogo, toda a extensão do imóvel rural como residência ou domicílio. Atualmente, a posse é permitida apenas na sede da propriedade rural.

A segurança no campo foi o ponto central da discussão da proposta. Para os defensores do projeto, os agricultores precisam de meios para se defender da criminalidade. Já os contrários afirmam que a medida pode agravar a violência no campo.

Do Piauí, apenas o deputado Assis Carvalho (PT) votou contra a proposta. Flávio Nogueira (PDT), Iracema Portella (PP), Júlio César (PSD), Margarete Coelho (PP) e Rejane Dias (PT) se ausentaram e Átila Lira (PSB), Marcos Aurélio Sampaio (MDB), Marina Santos (SD) e Paes Landim (PTB) votaram a favor.

O texto vai à sanção presidencial.