Piauí

Wellington Dias anuncia aquisição de vacinas contra covid-19 para o Piauí

O governador disse ainda que almeja uma produção própria de vacinas por meio do Consórcio Nordeste.

Nathalia Carvalho
Teresina
15/09/2020 11h11 - atualizado 11h12

O governador Wellington Dias (PT) anunciou nesta terça-feira (15) que o Piauí, em parceria com o Consórcio Nordeste, vai participar da próxima fase de aquisição do Governo Federal das vacinas contra a Covid-19 vindas da Rússia.

De acordo com ele, ainda haverá uma fase de testes do comitê científico do estado da Bahia que deverá analisar ainda outras vacinas mais avançadas, como da Inglaterra, a de Oxford e China.

Boa notícia! Iniciamos uma nova etapa no combate ao coronavírus. O Piauí, pelo Consórcio Nordeste, participa da fase de aquisição da vacina da Covid-19. Ainda teremos uma fase de testes do Comitê Científico e, depois da aprovação, iniciaremos a produção no nosso Estado. Continue fazendo a sua parte! Estamos cada vez mais próximos de vencermos juntos!

Posted by Wellington Dias on Tuesday, September 15, 2020

“O estado do Piauí aderiu ao protocolo tanto do Governo Federal, através da Anvisa e do Ministério da Saúde, como também ao Consórcio Nordeste que tem um patamar avançado. Então aceitamos fazer uma experiência baseada no estado da Bahia com a presença de cientistas dos nove estados cujo objetivo é testar as vacinas mais avançadas, como a americana, a de Oxford da Inglaterra, a da Rússia e a da China”, disse.

Ainda segundo o governador Wellington Dias, o objetivo é que haja uma produção própria de vacinas da Covid-19, por meio do Consórcio Nordeste, após a aprovação da Anvisa.

“Agora celebramos esse novo protocolo que o Piauí aderiu para aquisição de 50 milhões de ampolas da próxima vacina da Rússia, onde o objetivo é, após a aprovação da Anvisa, nós termos condições de produção e distribuição no Nordeste garantindo assim maior agilidade”, finalizou.