Buriti dos Montes - PI

Wellington Dias cria Parque Estadual do Cânion do Rio Poti

Wellington destacou que a área do parque “está sendo ameaçada pelo avanço da agropecuária, e que, mantida a tendência atual, poderá resultar em grande risco de alteração do ecossistema local"

Bárbara Rodrigues
Teresina
26/10/2017 08h57 - atualizado 08h58

O governador Wellington Dias (PT) publicou um decreto de nº 17.429, de 18 de outubro, criando o Parque Estadual do Cânion do Rio Poti, que será uma área de preservação ambiental que terá um perímetro aproximado de 118.090 metros, ou seja, cerca de 118 km, na região do município de Buriti dos Montes.

“O Parque Estadual do Cânion do Rio Poti contribuirá para a preservação de um grande fragmento de caatinga pouco degradado e com muitas espécies ameaçadas da flora nordestina, habitat de várias espécies da fauna da região, em especial tatu-bola, espécie endêmica do Brasil e ameaçada de extinção”, destacou o governador no decreto.

  • Foto: Marcelo Cardoso/GP1Governador Wellington DiasGovernador Wellington Dias

Destacou ainda que é dever público preservar o meio ambiente ecologicamente equilibrado, essencial à vida, incluindo a proteção da fauna e da folha vedadas as práticas que coloquem em risco a sua função ecológica e que promovam a extinção de espécie.

“A importância desta área para a proteção das zonas e recarga dos aquíferos que garantem o caráter perene deste trecho do Rio Poti, bem como das nascentes de seus afluentes, garantindo segurança hídrica para as comunidades locais” e que a área do parque “está sendo ameaçada pelo avanço da agropecuária, e que, mantida a tendência atual, poderá resultar em grande risco de alteração do ecossistema local, incluindo sua paisagem de extrema beleza cênica, acarretando perda da rica biodiversidade e atratatividade turística da região”.

O governador explicou que a definição da área aconteceu com base em estudos técnicos multidisciplinares e a consulta pública que permitiram identificar a localização, a dimensão e os limites mais adequados para a unidade.

Outro decreto

O governador também criou outra área de proteção ambiental, denominada Altos Cursos dos Rios Gurguéia e Uruçuí-Vermelho, que compreende a região dos municípios de São Gonçalo do Gurguéia, Barreiras do Piauí e Gilbués, totalizando 119.829,34 mil hectares, equivalente a 279,98 km.

Mais conteúdo sobre: