Teresina - PI

Wellington Dias lança Plano Educar Piauí no Palácio de Karnak

O evento aconteceu, no final desta manhã, no Palácio de Karnak.

Wanessa Gommes
Teresina
Germana Chaves
Teresina
Wanessa Gommes
Teresina
03/10/2019 15h54 - atualizado 15h57

Lançamento do Programa Educar Piauí

O governador Wellington Dias e o secretário estadual da Educação, Ellen Gera, lançaram o Plano Educar Piauí, que prevê a aplicação dos recursos oriundos de precatórios do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (Fundef). O evento aconteceu, no final desta manhã, no Palácio de Karnak. A vice-governadora Regina Sousa também esteve presente.

O Fundef é o antecessor do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb) e, em 2018, o Supremo Tribunal Federal decidiu que a União deve pagar aos estados e municípios um valor resultante de diferenças de transferências de exercícios anteriores.

Ellen Gera destacou que o Governo quer um ensino de qualidade. “Estamos buscando avançar na Educação e logicamente estamos preparados, estamos querendo escolas de qualidade, reformadas, com equipamentos necessários para que nossos professores possam fazer um ensino de qualidade na nossa rede”, afirmou.

Sobre o plano, o secretário explicou que ele foi desenhado para que seja cumprida a agenda educacional no Plano Nacional de Educação, no Plano Estadual de Educação e no Plano Plurianual do Estado.

“Estamos com todo um planejamento de ações preparado, esse plano tem três eixos de investimentos, um deles é olhando para a parte de infraestrutura e modernização tecnológica da nossa rede, queremos as escolas reformadas com equipamentos, parte de mobília, climatização, quadras, refeitórios, cozinhas, enfim, toda a parte de infraestrutura em uma condição de qualidade para que nosso profissional possa trabalhar e fazer seu trabalho pedagógico, que é justamente a outra frente de investimento”, detalhou Ellen Gera.

Ainda de acordo com ele, são programas que buscam a valorização escolar e que vão poder dar uma formação continuada para os profissionais de educação. “Nós vamos também cuidar do dia a dia na escola. Queremos que o nosso gestor possa ter autonomia, que possa executar ações imediatas na escola, sem que esteja sempre precisando de uma intervenção da secretaria de educação”, declarou.

Segundo o governador Wellington Dias, a preocupação do Governo é aumentar escolaridade e diminuir o déficit na Educação. “Temos uma oportunidade de ouro. Digo sempre que é um milagre de Deus, porque o Piauí é o primeiro estado brasileiro a ter o direito a esse recurso, essa diferença que o Governo Federal devia por uma decisão judicial. Estamos falando de R$ 1,6 bilhão e queremos trabalhar e aplicar ele integralmente em Educação. O objetivo é melhorar a qualidade em Educação, a escola de cada município será uma escola com tudo que tem direito, a quantidade de sala de aula, quadra, mas principalmente de ter ar condicionado, internet, ter uma educação de boa qualidade em qualquer um dos 224 municípios. Esse é o objetivo”, assegurou.