Polícia

Acusado de matar companheira a facadas em Barras é preso no Maranhão

A prisão de Carlos se deu após atuação da 1ª Promotoria de Justiça de Barras com a colaboração da Promotoria de Justiça de Buriticupu.

Wanessa Gommes
Teresina
09/07/2019 19h09 - atualizado 19h10

A Polícia Civil do Maranhão prendeu, na manhã desta terça-feira (09), em Buriticupu, um homem identificado como Carlos Soares de Paulo, acusado de matar a companheira Bruna Roberta Sousa da Silva de Paula a facadas, no município de Barras, no Piauí, em 2014.

A prisão de Carlos se deu após atuação da 1ª Promotoria de Justiça de Barras com a colaboração da Promotoria de Justiça de Buriticupu.

Segundo o Ministério Público do Estado do Piauí, o órgão recebeu denúncia anônima informando sobre o paradeiro de Carlos e o promotor Glécio Paulino Setúbal da Cunha e Silva entrou em contato com o promotor Luciano Henrique Sousa Benigno repassando as informações recebidas.

Carlos está preso na Delegacia de Polícia Civil de Buriticupu à disposição da Justiça.

Processo

Carlos já havia sido denunciado pelo promotor Silas Sereno Lopes pela prática do crime de homicídio qualificado pelo motivo fútil e pelo uso de recurso que dificultou ou impossibilitou a defesa da vítima, uma vez que na época dos fatos ainda não havia previsão da qualificadora do feminicídio.

No entanto, o processo encontrava-se suspenso desde o dia 27 de março de 2017, em razão do acusado não ter sido localizado para responder à ação penal.

Agora, com a prisão de Carlos, o processo deve retomar o seu curso até o julgamento pelo Tribunal Popular do Júri.