Teresina - PI

Júlio César vai se reunir com Sílvio para tratar sobre filiação

"Como o deputado Júlio [César] me informou mais o Georgiano [Neto], um dos motivos da reunião é para fazer esse convite formal", informou Tiago Vasconcelos ao GP1.

Jonas Carvalho
Teresina
06/01/2020 14h58 - atualizado 15h53

O ex-prefeito Sílvio Mendes (sem partido) e o deputado federal Júlio César – presidente estadual do PSD - têm encontro marcado nesta terça-feira (07). A reunião deve selar o convite oficial da legenda para a filiação do ex-tucano. Na ocasião, também deve marcar presença o pré-candidato ao Palácio da Cidade, o deputado estadual Georgiano Neto (PSD).

Até o momento, o partido ainda não definiu quem deve encabeçar a disputa majoritária ao lado de Georgiano na vaga de vice. De acordo com o presidente municipal do PSD, o ex-vereador e atual superintendente do INCRA, Tiago Vasconcelos, Júlio César e Sílvio Mendes mantém relação de proximidade, agindo assim, como fator decisivo no parecer final do ex-prefeito.

  • Foto: Alef Leão/GP1Sílvio MendesSílvio Mendes

“Ele já deu aceno nesse sentido à nossa manifestação. E como o deputado Júlio [César] me informou mais o Georgiano [Neto], que um dos motivos da reunião é para fazer esse convite formal, já que ele ainda não havia recebido o convite do deputado Júlio César. Acredito que isso seja uma das coisas que devam acontecer”, disse Tiago Vasconcelos em entrevista ao GP1 na manhã desta segunda-feira (06).

  • Foto: Marcelo Cardoso/GP1Tiago VasconcelosTiago Vasconcelos

Convite antecipado

Ainda de acordo com o ex-parlamentar, a conversa deve acontecer até a noite desta terça-feira (07). Segundo ele, o primeiro contato entre PSD e Sílvio Mendes aconteceu na última semana, quando Tiago Vasconcelos, durante um programa de televisão, ‘abriu as portas’ para a chegada do ex-tucano e revelou o interesse pela filiação do ‘grande quadro político’.

“Eu mandei uma mensagem para o programa dizendo que as portas do PSD estão abertas para o ex-prefeito Sílvio Mendes porque ele é um grande quadro político do estado, não só na Capital. Ele saiu de uma gestão com uma avaliação altíssima. Na verdade, eu interagi com o programa e a partir daí houve alguns desdobramentos”, finalizou o ex-vereador.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Sílvio Mendes não descarta possibilidade de se filiar ao PSD

Sílvio Mendes diz que Marco Antônio Ayres seria um bom candidato

Sílvio Mendes admite ser candidato a prefeito ao lado de JVC em 2020