Teresina - PI

Firmino oferece Fundação Municipal de Saúde para Wilson Martins

A intenção do prefeito era tentar travar o alinhamento do ex-governador com o grupo liderado pelo presidente da Assembleia Legislativa do Piauí, deputado Themístocles Filho.

Germana Chaves
Teresina
19/07/2019 21h20 - atualizado 21h21

O prefeito de Teresina Firmino Filho (PSDB) ofereceu o comando da Fundação Municipal de Saúde (FMS) da Capital para o ex-governador Wilson Martins, presidente regional do PSB, mas ele recusou o convite. A intenção do prefeito era tentar travar o alinhamento do ex-governador com o grupo liderado pelo presidente da Assembleia Legislativa do Piauí, deputado Themístocles Filho que está articulando a montagem da chapa majoritária do MDB que será liderada pelo ex-deputado Dr. Pessoa.

O vice da chapa será o também ex-parlamentar Robert Rios Magalhães que está de malas prontas para o partido de Wilson Martins depois de não ter conseguido o apoio do atual partido, o Democratas, para compor o grupo majoritário de oposição. O encontro de Firmino com o ex-governador Wilson ocorreu no início desta semana e contou também com a presença de Robert Rios.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Firmino Filho e Wilson MartinsFirmino Filho e Wilson Martins

Adversários

Cabe colocar que a relação entre o prefeito de Teresina e Wilson está estremecida desde as eleições de 2018, quando Martins concorreu ao cargo de senador, mas, acabou não tendo o suporte esperado do tucano, que declarou abertamente apoio à reeleição de Ciro Nogueira (PP).

Para piorar a situação, mesmo dizendo que apoiaria o ex-governador, na véspera do processo eleitoral, Firmino gravou um vídeo tecendo elogios ao ex-deputado federal Marcelo Castro (MDB), que acabou se elegendo e ficando a segunda vaga do Senado que era dada como certa para Wilson. A situação causou mágoas e provocou o afastamento entre os dois.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Themístocles Filho diz que quer o apoio do PSB de Wilson Martins

Robert e Themístocles vão dialogar com Wilson Martins sobre 2020