Coronavírus no Piauí

Piauí possui 16 casos confirmados de covid-19 entre povos indígenas

Os dados são do boletim elaborado por um grupo de pesquisa da Universidade Federal do Piauí, coordenado pela professora Carmen Lúcia Lima.

Thais Guimarães
Teresina
31/07/2020 20h03

O Piauí registra 16 casos confirmados do novo coronavírus (covid-19) e um óbito entre os povos indígenas, segundo boletim epidemiológico elaborado pela Universidade Federal do Piauí (UFPI), divulgado nesta sexta-feira (31). Ainda existe um óbito e duas pessoas curadas.

O boletim está sendo elaborado pela professora Carmen Lúcia Silva Lima, coordenadora do Laboratório do Projeto Nova Cartografia Social da Amazônia e líder do Grupo de Pesquisa sobre Identidades Coletivas, Conhecimentos Tradicionais e Processos de Territorialização da UFPI, em parceria com as lideranças indígenas do Piauí.

  • Foto: Divulgação/UFPIBoletim epidemiológicoBoletim epidemiológico

Conforme o relatório do acompanhamento, a maioria dos infectados se concentra entre o povo Gamela, que reside nas cidades de Bom Jesus, Baixa Grande do Ribeiro, Currais e Santa Filomena. Nesse grupo, há 11 casos positivos. Depois vem o povo Tabajara, em Piripiri, com 2 casos confirmados. Os povos Tabajara Tapuio, em Lagoa de São Francisco, e Warao, em Teresina, registram uma pessoa infectada, cada. O óbito registrado é da capital.

Casos curados

Ainda de acordo com o boletim, 86 indígenas piauienses já contraíram o coronavírus e se recuperaram da doença, sendo assim considerados curados.