Piauí

"Satanás está incorporado nela", diz pai de Giovanna Gabriely

O pastor Gudson, pai da jovem Giovanna Gabriely, de 17 anos, que foi encontrada em União após passar quatro dias desaparecida.

Andressa Martins
Teresina
Davi Fernandes
Teresina
07/11/2019 12h16 - atualizado 15h44

“Satanás está incorporado”, disse o pastor Gudson, pai da jovem Giovanna Gabriely, de 17 anos, que foi encontrada em União após passar quatro dias desaparecida. A jovem deixou uma faculdade na zona sul da cidade após realizar uma prova do Enem no último domingo (3) e não deu mais notícias para a família.

Em depoimento à polícia na noite de quarta-feira (6), a jovem acusou o pai de abusá-la sexualmente. Por conta das declarações, a polícia decidiu encaminhar a jovem para a casa de uma tia materna.

  • Foto: Reprodução/FacebookGiovanna GabrielyGiovanna Gabriely

O pastor Gudson, no entanto, negou as acusações e disse que a filha está incorporada pelo satanás. O pai da jovem é pastor da Igreja Assembleia de Deus e por meio de um áudio divulgado nas redes sociais, se defendeu.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Pastor GudsonPastor Gudson

“Bem irmãos, eu peço oração aos irmãos da igreja, façam orações por mim, porque Giovanna deve estar fazendo várias acusações a nós pai e mãe, e como a gente sabe que é satanás que está incorporado, que está falando, a gente sendo acusado e não vai ter ninguém que acredite, vai sempre acreditar na parte natural, não no sobrenatural, então orem, orem pela a minha vida e da minha esposa”, afirmou.

Suspeito detido

Um homem foi detido na manhã desta quinta-feira (7) suspeito de envolvimento no desaparecimento Giovanna Gabriely.

O acusado tem 31 anos e foi identificado como Ismar Gonçalves Bastos Filho. O homem foi conduzido por policiais militares do 8º BPM à Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA). Com o homem foi encontrada uma sandália, que pode ser da vítima.

Entenda o caso

A adolescente Giovanna Gabriely Belém Oliveira, de 17 anos, estava desaparecida desde a tarde desse domingo (3). A jovem desapareceu após realizar a prova do Enem, na zona sul de Teresina.

De acordo com Keila Oliveira, mãe da adolescente, Giovanna realizou a prova na faculdade Santo Agostinho. “Eu deixei ela na faculdade, fui até a sala com ela e ela combinou comigo de sair da prova às 18h30 e que eu fosse esse horário também para pegá-la, porém quando cheguei lá, ela já tinha saído e até agora nunca apareceu”, contou Keila.

Ainda segundo a mãe da adolescente, ela sofre de depressão e tinha saído do local de prova com o casaco do colégio Objetivo.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Suspeito de envolvimento no sumiço de Giovanna Gabriely é detido

Jovem Giovanna Gabriely é encontrada após passar 72h desaparecida

Vídeo mostra Giovanna Gabriely em faculdade antes de desaparecer