Coronavírus no Piauí

Sobe para 22 número de casos confirmados de coronavírus no Piauí

Novo boletim foi divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) na noite desta sexta-feira (03).

Thais Guimarães
Teresina
03/04/2020 19h48 - atualizado 22h14

Boletim divulgado pela Secretaria do Estado de Saúde (Sesapi) nesta sexta-feira (03) aponta que subiu para 22 o número de casos confirmados de coronavírus (covid-19) no Piauí, passando de 19 para 22 em 24 horas. A quantidade de casos suspeitos também cresceu, de 268 para 288. O índice de óbitos permanece o mesmo (04), bem como o de pessoas curadas (02).

Apesar de o boletim apresentar crescimento nos números de casos confirmados e suspeitos, a quantidade de casos descartados também subiu, passando de 500 para 544, como é possível ver em nosso gráfico.

Casos de Covid-19 no Piauí
Infogram

Dois dos novos casos confirmados já haviam sido anunciados hoje mais cedo pelo governador Wellington Dias. Dentre eles está o professor da Universidade Federal do Piauí (UFPI), Cleanio da Luz Lima, que se encontra internado no Hospital Unimed Primavera.

Os 22 casos de covid-19 confirmados se concentram em quatro cidades do Piauí, sendo 19 em Teresina, um em Parnaíba, um em São José do Divino e outro em Campo Maior. Dos quatro óbitos, dois ocorreram na capital, um em Parnaíba e o outro em São José do Divino.

Óbitos

As primeiras duas mortes por covid-19 aconteceram em Teresina no dia 26 de março: o casal de idosos Jomar, 88, e Marlúcia, 73, que foram infectados após terem contato com um membro da família contaminado pelo vírus. O diagnóstico de coronavírus só foi confirmado no dia 29.

A terceira morte foi a do prefeito Antônio Felícia, do município de São José do Divino. Ele faleceu no dia 27 de março no Hospital Doutor José Brito Magalhães, em Piracuruca. Um dia depois de sua morte foi divulgado o resultado de exames que constataram a contaminação por coronavírus.

O último óbito foi do diretor da Delta Laticínios, Oderman Bittencourt, no dia 30 de março. O empresário morreu aos 45 anos por complicações no quadro de covid-19. Ele estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Natan Portela, em Teresina. Oderman Bittencourt era de Parnaíba e havia sido internado com grave pneumonia. Um teste realizado no dia 28 detectou que ele havia contraído coronavírus.

Casos curados

A primeira confirmação de cura de covid-19 no Piauí foi a do jornalista Marcelo Magno. O apresentador foi nternado no Hospital Prontomed no dia 15 de março, apresentando sintomas de pneumonia. Seu quadro piorou no dia 18 e ele foi para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI). No dia 20, o hospital emitiu um boletim confirmando o diagnóstico positivo para coronavírus. O âncora da TV Clube teve alta no dia 27, após exames comprovarem que ele havia sido curado.

O empresário João Claudino Júnior foi o segundo caso de notificação de cura no estado. Ele foi internado no Hospital Unimed Primavera no dia 23 de março, quando apresentou sintomas de complicações respiratórias e foi diagnosticado com covid-19. João Claudino Júnior teve alta hospitalar na manhã da última quarta-feira (01), após ser atestada sua cura.

Coronavírus no Brasil

O Ministério da Saúde informou nesta sexta-feira (03) que o Brasil já possui 9.056 casos confirmados da covid-19, o que significa 1.146 novas confirmações nas últimas 24 horas. As mortes pela doença subiram de 299 para 359. A taxa de mortalidade também cresceu, alcançando 4%.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Governador Wellington Dias confirma 21 casos da covid-19 no Piauí

Brasil tem 359 mortes e 9.056 casos confirmados de coronavírus